Microsoft inaugurou hoje nova sede em Portugal

Novo edifício sede da Microsoft em Portugal, a Microsoft Lisbon Experience, situa-se no Parque das Nações em Lisboa, representa um investimento de quase 20 milhões de euros nos próximos 10 anos e vem inaugurar um novo conceito de trabalho, uma interação inovadora das Pessoas, do tempo e do espaço, alavancando o que de melhor a tecnologia oferece, para acelerar a produtividade numa organização e alcançar níveis ímpares de motivação.

Microsoft Lisbon Experience, é uma janela aberta para o mundo, uma montra viva, aberta aos agentes nacionais – empresas, instituições públicas, escolas e universidades, organizações sem fins lucrativos, entre outros a particulares e a todos os interessados – de como colocar a tecnologia ao serviço da inovação, da eficiência e da competitividade em Portugal.

É um espaço de experiência onde a portugalidade se funde com a modernidade e a tradição se alia à inovação.

A Microsoft inaugurou hoje, oficialmente, a sua nova sede em Portugal, a Microsoft Lisbon Experience. Situada no Parque das Nações, em Lisboa, a MLXe estende-se ao longo de 6369m2 reunindo, num único edifício cerca de 445 colaboradores.

A cerimónia de inauguração da Microsoft Lisbon Experience foi presidida hoje pelo Presidente da República, Aníbal Cavaco Silva, numa cerimónia que contou ainda com a intervenção do Presidente da Câmara Municipal de Lisboa, António Costa e a presença do Secretário de Estado da Inovação e Empreendedorismo, Carlos Oliveira, entre outros líderes de empresas, organismos, organizações não governamentais, associações nacionais, entre outros.

Microsoft Lisbon Experience é o mais recente edifício inaugurado pela Microsoft Corporation na Europa e reúne as mais atuais e modernas tecnologias de informação, colaboração e comunicação combinando-as, de forma original e harmoniosa, com a mais típica portugalidade, criando assim uma atmosfera única, onde modernidade, tradição e inovação se aliam a materiais típicos provenientes da indústria nacional.

A Microsoft Lisbon Experience pretende posicionar-se, para a Microsoft Portugal, como um “hub” internacional de atração de reuniões, eventos e investimentos da Microsoft internacional, tirando partido, através de uma gestão profissional, da capacidade do país de atração de encontros internacionais internos e externos da empresa. Para alcançar este objetivo, muito contribuiu a opção por uma localização próxima do aeroporto de Lisboa, numa zona bem servida por infraestruturas de acolhimento. Por fim, a Microsoft Portugal pretende apresentar a MLXe como o cartão-de-visita da típica hospitalidade e reconhecida capacidade de bem receber dos portugueses.

Segundo Steve Ballmer, CEO da Microsoft Corporation, numa mensagem em vídeo dirigida ao Presidente da República e aos demais convidados “A Microsoft está totalmente comprometida em fazer tudo o que está ao seu alcance para ajudar Portugal a recuperar o caminho do crescimento económico e, mesmo neste contexto mais desafiante, continuamos a ver no país um extraordinário potencial. Esta motivação, que não é de agora, tem permanecido constante desde a abertura da nossa subsidiária em Portugal há mais de 20 anos. Desde então, vimos o nosso número de colaboradores crescer às centenas, o nosso número de parceiros portugueses incrementar aos milhares. Juntos, temos visto o impacto positivo que a tecnologia pode ter na sociedade. Na Microsoft, sempre acreditámos que a tecnologia tem o potencial de fazer florescer a criatividade e a produtividade, tanto nas pessoas como nas organizações, potenciando a inovação e o crescimento sustentado. É esta convicção que nos leva a continuar a investir em Portugal com esta nova sede e o conceito que lhe está subjacente. Desenhámos esta experiência para ser fonte de inspiração, inovação desenvolvimento e aprendizagem para líderes empresariais, profissionais de TI e consumidores. Acreditamos que a tecnologia que temos para mostrar dará às pessoas e às empresas de todas as dimensões uma importante vantagem competitiva.”

Um investimento em contraciclo

Microsoft Lisbon Experience é uma reinterpretação total do conceito de produtividade e pretende ser um laboratório vivo de observação e inspiração de uma forma única, disruptiva e inovadora de trabalhar em Portugal. MLXe é um espaço de experiência, uma janela aberta ao exterior, aos agentes económicos nacionais e também a particulares, de como utilizar a tecnologia e como conseguir uma interação inovadora das pessoas, do tempo e do espaço.

Na Microsoft Lisbon Experience a mais moderna tecnologia convive paredes meias com a mais tradicional portugalidade. Exemplo disso mesmo são as paredes forradas com burel de Manteigas, o chão em cortiça de Sta. Mª de Lamas, o candeeiro à entrada desenhado por um artesão do Porto, inspirado no metro style dos novos Windows Phone e Windows 8, um painel de azulejos de uma ceramista portuguesa, entre outros materiais produzidos pela indústria nacional.

Para Claudia Goya, Diretora Geral da Microsoft em Portugal, “Ao longo dos últimos 20 anos, a Microsoft sempre esteve empenhada em contribuir para o desenvolvimento económico de Portugal e encaramos esta mudança como o início de um novo capítulo da nossa história de compromissos com o país. Este investimento, que fazemos em contraciclo, é prova clara que acreditamos no potencial do nosso país e na capacidade de recuperarmos o caminho do crescimento económico. Acreditamos que este novo conceito de trabalho que agora inauguramos será catalisador da inovação, da eficiência e da produtividade na economia nacional”.

“A New World of Work”

A nova experiência no trabalho preconizada pela Microsoft Lisbon Experience assenta, essencialmente, em três pilares: Pessoas, Tecnologia e Local de Trabalho.

Microsoft Lisbon Experience remete para um tipo de organização centrada nas Pessoas e na procura da forma de as tornar mais produtivas, respeitando os seus ritmos, o contexto geo-espacial da sua esfera pessoal/privada, a conciliação casa/trabalho e a gestão da motivação, com vista a aumentar o seu bem-estar na organização.

Neste sentido, a Microsoft disponibiliza aos cerca de 445 colaboradores que trabalham no MLXe formas de trabalho mais flexíveis, assentes numa cultura de proximidade, orientação ao cumprimento de objetivos individuais e partilhados, assegurando, simultaneamente, a mobilidade necessária para que possam gozar essa flexibilidade na plenitude.

Microsoft Lisbon Experience é um espaço que vive e respira Tecnologia e onde esta é colocada ao serviço da produtividade: mais de 90% dos colaboradores não têm lugares pré-assignados e usam exclusivamente tecnologias móveis (laptop, telefone móvel, tablet, acesso à rede wireless). As ferramentas de produtividade e colaboração que suportam a organização assentam em tecnologia cloud e baseiam-se em sistemas de comunicação por voz, dados e vídeo, suportadas na web e acessíveis via browser.

Neste espaço, a tecnologia aproxima o que a geografia separa, de forma a evitar deslocações desnecessárias, ajudando a poupar custos e contribuindo para uma gestão mais eficaz do tempo de trabalho.

A nova sede da Microsoft em Portugal ocupa uma área de 6369 m2, é um local de trabalho concebido em mobilidade total, que privilegia os locais de reunião/colaboração, brainstorming criativo, telecomunicação e organização dos colaboradores em “vizinhanças” funcionais, dando-lhes liberdade de trabalhar a partir de qualquer ponto do edifício, de acordo com o projeto em curso e as equipas envolvidas, sem lugares fixos ou pré-assignados.

Com este novo espaço, a Microsoft pretende contribuir para um ambiente mais sustentável, optando por infra-estruturas ecológicas em todo o escritório, que privilegiam materiais naturais e madeira. Trata-se um edifício com certificação energética A, onde não há recurso a papel.

Os números XL do MLXe – Microsoft Lisbon Experience

Nos 6369 m2 do MLXe foram usados 1600 m2 de chão de cortiça portuguesa, 580 m2 de smartglass, 40 kms de cabos de telecomunicações, 20 km de cabos elétricos.

No MLXe há 1096 m2 de espaço para reuniões internas, 1500 m2 de espaço para reuniões externas, 425 m2 de espaço de demonstração de tecnologia.

Nos 6369 m2 do MLXe convivem 445 colaboradores internos e externos, 106 salas de reunião (78 internas e 28 externas), das quais 50 são para brainstorming e produção de ideias e 18 para telecomunicação. Existe 1 centro de briefing tecnológico, 1 centro de demonstração de tecnologias de consumo, 1 centro de investigação e desenvolvimento e 1 centro de suporte técnico europeu sedeado em Lisboa.

No MLXe colaboraram 164 pessoas durante cerca de 55,000 horas, durante 9 semanas.

A mudança da Microsoft para o MLXe envolve um investimento planeado, a 10 anos, de cerca de 20 milhões de euros.


About the Author:


No comments yet

Leave a Reply

Media Partner